Você está aqui: Página Inicial / Sala de Imprensa / Notícias do CRA-MT / R$ 5 bilhões para saneamento

R$ 5 bilhões para saneamento

por CRA última modificação 11/05/2018 11h51
R$ 5 bilhões para saneamento

Aviso de Licitação

O governo federal anunciou nesta terça-feira, 27 de março, a liberação de R$ 2 bilhões para investimento em saneamento. O dinheiro beneficiará 86 projetos de 76 municípios brasileiros que foram pré-selecionados pelo programa Avançar Cidades-Saneamento.

O recurso financiará projetos como obras como a ampliação e construção de redes de água e esgoto de sete estados brasileiros: Mato Grosso, Ceará, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Essa é a primeira fase do programa, mas o governo federal adiantou que, em abril, na segunda etapa da iniciativa, serão destinados mais R$ 3,5 bilhões para financiar projetos na área de saneamento. De acordo com o Ministério das Cidades, os investimentos serão viabilizados por recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

De olho nos recursos – Para o Conselho Federal de Administração (CFA), o investimento destinado ao setor de saneamento é positivo. “Contudo, a população deve colaborar com os gestores na fiscalização da aplicação desses recursos com objetivo de melhorar o sistema de água e esgoto”, explica o superintendente do CFA, Douglas Evangelista Neto.

Um aliado dessa fiscalização é o Sistema CFA de Governança, Planejamento e Gestão Estratégica de Serviços Municipais de Água e Esgotos, o CFA-Gesae. A ferramenta idealizada pelo CFA visa oferecer aos municípios um sistema de governança e planejamento estratégico de serviços públicos de água e esgoto.

O CFA-Gesae auxilia na avaliação da gestão do saneamento municipal sob diversos aspectos. Ele possui dez áreas-chave e setenta indicadores. Por meio desses indicadores, é possível avaliar a gestão de forma detalhada. Entre os indicadores do Sistema, podemos citar: Tarifa média praticada, Despesa de Exploração por m³ Faturado, Despesa de Pessoal por m³, Despesa de Serviços de terceiros por m³, Índice de Coleta de Esgoto, Índice de Tratamento de Esgoto e Índice de Perdas por Ligação.

“A população deve acompanhar anualmente esses indicadores para ver se os recursos estão sendo aplicados de forma correta e se eles estão melhorando a qualidades desses índices para, então, poder cobrar dos governantes e gestores a correta aplicação dos impostos que pagamos”, afirma Douglas, ressaltando que os dados do CFA-Gesae são coletados com base nas informações fornecidas pelo Sistema Nacional de Informações  sobre Saneamento do Ministério das Cidades (SNIS/MC). A última atualização dessas informações foi feita em 2018 com ano base 2016.

O CFA disponibiliza o acesso ao CFA-Gesae a qualquer cidadão. Confira, abaixo, o passo a passo:

  1. Acesse www.gesae.org.br
  2. Login: publico / Senha: publico
  3. Clique na opção “Benchmarking” localizada ao lado esquerdo do site;
  4. Em seguida, clique na opção “Áreas Chaves”;
  5. Aparecerá um gráfico com as áreas chaves. Clique na que deseja consultar;
  6. Em seguida, clique no botão vermelho “Consultar municípios”;
  7. Vai aparecer um filtro para refinar a pesquisa. Basta preencher o ano da pesquisa e o nome do município. Pode colocar mais de um nome de município.
  8. Na sequência, escolha o indicador que deseja consultar. Para isso, só clicar em cima do nome do indicador. Depois, clica no botão cinza “Gerar Análise” disponibilizado a sua direita.
  9. Pronto! A ferramenta gerou os resultados.

 

 O CFA pesquisou alguns indicadores de seis cidades que serão beneficiadas nessa primeira fase do programa Avançar Cidades-Saneamento. Contudo, é bom ressaltar que, por meio do CFA-Gesae, é possível consultar informações sobre saneamento de todos os municípios do país.

Foto 1.png

Foto 2.png

Foto 3.png

Foto 4.png

Foto 5.png

Foto 7.png

 

 Assessoria de Comunicação CFA

Publicações

 RBA

Relatório Gestão 2017