Você está aqui: Página Inicial / Sala de Imprensa / Notícias do CRA-MT / R$ 5 bilhões para saneamento

R$ 5 bilhões para saneamento

por CRA última modificação 11/05/2018 11h51
R$ 5 bilhões para saneamento

Aviso de Licitação

O governo federal anunciou nesta terça-feira, 27 de março, a liberação de R$ 2 bilhões para investimento em saneamento. O dinheiro beneficiará 86 projetos de 76 municípios brasileiros que foram pré-selecionados pelo programa Avançar Cidades-Saneamento.

O recurso financiará projetos como obras como a ampliação e construção de redes de água e esgoto de sete estados brasileiros: Mato Grosso, Ceará, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Essa é a primeira fase do programa, mas o governo federal adiantou que, em abril, na segunda etapa da iniciativa, serão destinados mais R$ 3,5 bilhões para financiar projetos na área de saneamento. De acordo com o Ministério das Cidades, os investimentos serão viabilizados por recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

De olho nos recursos – Para o Conselho Federal de Administração (CFA), o investimento destinado ao setor de saneamento é positivo. “Contudo, a população deve colaborar com os gestores na fiscalização da aplicação desses recursos com objetivo de melhorar o sistema de água e esgoto”, explica o superintendente do CFA, Douglas Evangelista Neto.

Um aliado dessa fiscalização é o Sistema CFA de Governança, Planejamento e Gestão Estratégica de Serviços Municipais de Água e Esgotos, o CFA-Gesae. A ferramenta idealizada pelo CFA visa oferecer aos municípios um sistema de governança e planejamento estratégico de serviços públicos de água e esgoto.

O CFA-Gesae auxilia na avaliação da gestão do saneamento municipal sob diversos aspectos. Ele possui dez áreas-chave e setenta indicadores. Por meio desses indicadores, é possível avaliar a gestão de forma detalhada. Entre os indicadores do Sistema, podemos citar: Tarifa média praticada, Despesa de Exploração por m³ Faturado, Despesa de Pessoal por m³, Despesa de Serviços de terceiros por m³, Índice de Coleta de Esgoto, Índice de Tratamento de Esgoto e Índice de Perdas por Ligação.

“A população deve acompanhar anualmente esses indicadores para ver se os recursos estão sendo aplicados de forma correta e se eles estão melhorando a qualidades desses índices para, então, poder cobrar dos governantes e gestores a correta aplicação dos impostos que pagamos”, afirma Douglas, ressaltando que os dados do CFA-Gesae são coletados com base nas informações fornecidas pelo Sistema Nacional de Informações  sobre Saneamento do Ministério das Cidades (SNIS/MC). A última atualização dessas informações foi feita em 2018 com ano base 2016.

O CFA disponibiliza o acesso ao CFA-Gesae a qualquer cidadão. Confira, abaixo, o passo a passo:

  1. Acesse www.gesae.org.br
  2. Login: publico / Senha: publico
  3. Clique na opção “Benchmarking” localizada ao lado esquerdo do site;
  4. Em seguida, clique na opção “Áreas Chaves”;
  5. Aparecerá um gráfico com as áreas chaves. Clique na que deseja consultar;
  6. Em seguida, clique no botão vermelho “Consultar municípios”;
  7. Vai aparecer um filtro para refinar a pesquisa. Basta preencher o ano da pesquisa e o nome do município. Pode colocar mais de um nome de município.
  8. Na sequência, escolha o indicador que deseja consultar. Para isso, só clicar em cima do nome do indicador. Depois, clica no botão cinza “Gerar Análise” disponibilizado a sua direita.
  9. Pronto! A ferramenta gerou os resultados.

 

 O CFA pesquisou alguns indicadores de seis cidades que serão beneficiadas nessa primeira fase do programa Avançar Cidades-Saneamento. Contudo, é bom ressaltar que, por meio do CFA-Gesae, é possível consultar informações sobre saneamento de todos os municípios do país.

Foto 1.png

Foto 2.png

Foto 3.png

Foto 4.png

Foto 5.png

Foto 7.png

 

 Assessoria de Comunicação CFA

registrado em:
Publicações

 

Relatório Gestão 2017